NOTA DE PESAR

Publicado por:Rogerio Novaes

Com profunda tristeza prestamos homenagem ao bancário Rodrigo Abrahão Figueiredo, falecido em 18/02.

O jovem filho de Jardinópolis ingressou na Caixa Econômica Federal em 2011 e ali, mais que uma brilhante carreira profissional, fez dos clientes seus amigos e estreitou laços com todos os colegas por onde passou.

Guariba e Taquaritinga foram as mais recentes cidades em que trabalhou, conquistando resultados com ética, respeito e valorização da equipe.

A família enlutada, em especial seus pais, nossa solidariedade, frente a essa brusca ruptura do caminho natural da vida.

A Saudade é o revés de um parto
A Saudade é arrumar o quarto do filho que já perdi
(Pedaço de Mim – Chico Buarque)

Relacionados

Instagram Post Photo Collage Minimalist Neutral Moodboard Grid Design (71)
R$ 11,7 bi ou R$ 10,6 bi: qual, afinal, foi o lucro da Cai...
Instagram Post Photo Collage Minimalist Neutral Moodboard Grid Design (61)
PLR: Alguns bancos já anunciaram data de pagamento
STF
STF veta demissão imotivada de empregados públicos
ASSÉDIO232
Portal da CUT publica guia para prevenção de assédio moral
a notícia_Caixa
Caixa divulga edital para eleição do CA